quinta-feira, 25 de março de 2010

M a r ç o . . .


"Tudo muda o tempo todo no mundo...como uma onda no mar"

Sutilmente a noite senti vontade de postar, sair literalmente da cama, do meu lençol de retalhos e não silenciar o que vem acontecendo. A figura de um mês incomum...
A madrugada fazendo parte do meu dia como o sol que estimula cada gotinha de suor, um mal costume de não dormir o suficiente, confessando sabores, contemplando pontes e sentindo com a velocidade o arrepio da minha pele tão branca. Escutar o primeiro despertar das aves como quem vive no campo.
Não perder nada, dia e noite juntas como irmãs que há tempos não se abraçavam e como outrora voltaram a ser minhas confidentes. Lua e sol como um beijo que nunca pode ser adocicado. E se bem posso dizer não sei ainda como me sinto, é como uma turbulência, despencar dez metros e voltar a estabilizar. Uma insegurança na voz, na pele, na textura que existe hoje aqui.
Medo de ver o dia sem o sol que por saudade visitou a lua e por lá ficou. Da angústia de perder o que nem se tem, de ser a samambaia do quintal de qualquer jardim. E por desacreditar em finais tristes insisto destilar venenos, de sorrir mesmo amarelado, de apanhar as folhas que largam as árvores dos outonos.
Um post que ainda não teve fim...hoje ainda é vinte e cinco de março...



Um grande beijo!
Cris
PS: A foto vai pra Tay, obrigada linda. Adorei!!!

4 comentários:

Tay disse...

Ainda bem que tudo muda, o tempo todo, no mundo.
Porque a mudança traz renovo aos nossos corações. A mudança sempre acontece porque é necessário romper com algo que não está mais tão bom.
Fico feliz em você ter se animado a sair da cama para postar, fico feliz em estar procurando o Sol, ainda que de madrugada.
Quero tanto bem!!
Tanto!!!
Não só a risada mais gostosa, mas o sorriso da alma que não dá para ver, não dá para notar, mas dá para sentir ao olhar pros seus olhos lindos.
Quero o melhor, sempre, para a Margarida do meu jardim de inverno.

Beijos!!!
Amo!!!

George disse...

Nas madrugas, surgem as mais puras e inspirativas idéias, pensamentos, sensações e palavras com uma veia poética como a sua. Espero que outras madrugas, proporcionem pensamentos expressivos como este... que discorrem com leveza, as agruras, alegrias e, decorrentes sentimentos humanos!

Parabens, vizinha

carlos disse...

Não permita que o cinza preencha totalmente os teus dias, és uma pessoa maravilhosa! sei como se sente neste momento, ainda bem que é apenas um momento.
A cores virão até você.
Acredite!

Beijão cmldm.
Te adoro. (só um pouquinho)

Thammyy disse...

Minha lindonaaa! Mas como vc está prosaica! E quaantas cores esdtão presentes nesse post! Quase dá pra ver um arco iris vertendo dele diretinho pro intimo de quem está lendo...e é assim que tem que ser! Quero ler coisas cada vez mais lindas aqui!
te amo muitoo!saudades imensas de teu abraço!=D
beeijosss