terça-feira, 6 de abril de 2010

Gente...


Eu gosto do claro quando é claro que você me ama...
Eu venero a Saudade quando ela está prestes
a terminar...


Confesso que não estou inspirada, em nada. Mas senti vontade de postar vir e escrever abrobrinhas peço até desculpa cansar vocês. Prometo que nem irei divulgar desta vez. Eu queria apenas encontrar a solução para tudo isso, eu sempre escutei que "nós é que complicamos as coisas" será? As vezes parece tudo tão simples já outras parece uma comédia sem graça igual ao zorra total (ninguém merece) Mas tá uma zorra mesmo. Tenho me questionado tanto, inclusive sobre minha sanidade mental hehe...falei esses dias que de repente sou bipolar,  mas ao menos a minha especialização me ensinou que estou saudável no momento rsrrs Tem valido a pena ser especialista em saúde mental né? rsrs
Sei porém da minha ironia sem graça, aliás do meu sorriso amarelo que nao convence nem ao meu vizinho de quatro anos. É tudo tão louco como o tempo no país, o sudeste se acabando em água enquanto no nordeste a venda de ventiladores tem aumentado 100%...pense no calor! De repente o calor tem me feito mal...rs ainda bem que quinta é dia de piscina...né poli? ^^
É isso...tenho que terminar o slide pra apresentar amanhã na reunião, já é tarde e a noite como uma criança corre sem parar...e eu ainda não sei.
Boa noite a todos, bjs...
Jesus obrigada por tudo! ;D

2 comentários:

Tay disse...

Eu queria muito te pegar no colo e te dizer o que fazer, mas você sabe que eu não posso.
Certos caminhos só nossas próprias pernas podem cruzar.
O que eu posso dizer já disse, estou com você em qualquer lugar que você estiver, te apoio na decisão que tomar e jamais quero ver você sofrer.
A vida é realmente simples, nós que a complicamos porque nunca estamos de fato prontos para a realização dos nossos pedidos. Não sabemos pular sem testar o para-quedas antes.
De fato isso é bom, se pulássemos sempre talvez não estaríamos mais aqui.
Só que como sempre, sempre e sempre, a escolha é só nossa.
Espero que você seja feliz, que saiba pesar as coisas e que entenda que a vida de adulto é mesmo assim. Toda escolha requer uma renúncia, não há conquista sem sacrifício.
Espero o seu bem, sempre.
Te amoooo!!

PS: Comentei sem que você me pedisse... la la la...

George disse...

Pra quem não tem inspiração, você ta melhor que muito poeta se auto-denominando de vanguarda. Espero ter o prazer de ler outros "posts" assim. Se sem inspiração ja é legal ler.. imagina quando ela voltar...

Bjs...