quarta-feira, 11 de novembro de 2009

"Eu te amo como eu..."




E se tantas coisas tivessem acontecido, como estaria eu?
E se eu tivesse vestida de branco como estaria hoje?
E se não tivesse aqui? E se...
Talvez eu ouviria o som das cordas, ouviria "rosa" mais uma vez.
Talvez eu estaria sentada ao teu lado, sorrindo talvez.
Eu te faria cócegas sem fim, eu morderia tua pele e brincaria com teus cabelos...
Mas não foi o "se", não foi o "talvez"
Doeu e não tenho explicação mas você não saiu daqui.
Não consigo tirar as pétalas pra descobrir o "bem me quer"
É um desiquilíbrio, é incerto tudo o que é vida...e eu não consegui tirar você daqui.
Quando eu axei que o sol iria eu o vi brilhar...eu vi o amarelo outra vez.
Estamos em outra realidade agora, Você me disse então,
Há de florescer, e eu me lembrei dos ciclos, lembrei das estações outra vez.
Me convidaram a acreditar na esperança de novo.
Delícia de riso solto me invade, ainda bem que não te tirei daqui.
Me senti livre e danço com os nossos olhos castanhos.
Minhas orações passeiam pelos muros dessa vida decolores e alcançam sempre o céu.
Perpassam as cortinas brancas que você imagina, transparentes e veremos a lua juntos.
Não vou mais alimentar o "se" o "talvez" deixo aqui e até outro te amo.
Até outro sorriso, até breve pra você também.
E que bom que eu não te tirei daqui...
"Eu te amo como eu..."

Pra nós...



Que Deus nos abençoe!

"As muitas águas não poderiam apagar o amor, nem os rios, afogá-lo." Cânticos 8:7

3 comentários:

Ғelipe disse...

Ah, Cris..
pelo jeito você realmente está melhor. Que bom!
E seu blog anda cheio dos relógios (que me desesperam)...
Que você continue aumentando o contraste de suas cores, pq eu estou perdendo algumas, mas isso é outra história... :p
Saudade sua tah.
E como já te disse, eu vou processar o Correio (hahaha).
Fica com Deus...

:*

Taynná =) disse...

Te amo!!!!!!!
E sua felicidade transborda em mim, me contagia, me faz querer dizer: Senhor, muito obrigada!!!!!!!
Eu já tinha te falado, o amor é amor, mesmo distante, mesmo quando se faz distante.
E eu sou madrinha! A madrinha mais abestalhada e feliz do mundo!!
Que venha novamente todas as cores, porque a vida é bem mais bela com elas!!

Luana Motta disse...

Oiiii Cris,

Obrigada pelo recadinho em meu blog, desculpe a demora em responder, mas fiquei sem net por um tempo.

Continue aparecendo. Te seguirei tb.

Bjocas
Lua