quinta-feira, 29 de julho de 2010

A janela de Marina...

(Na foto:  Dálete, uma amiga de João Pessoa, a cara de "Marina". Obrigada linda!!!)

Quando pequenina costumava chamar atenção pelas bolas de gude na mão, bermudas e camisetas sem combinação. Marina descia a rua com um skate improvisado, nada mais que uma tábua e algumas rodas por ela encaixadas. Certo dia lhe perguntaram onde estão suas bonecas Marina e de ombros dados chamou para empinar pipa, a dela era azul celeste e tinha uma rabiola vermelha linda. Não combinava com sua energia passear com bonequinhas e suas mamadeiras, era preciso correr, pular, cair e quem sabe voar. Quando Marina se viu esguia, corpo redesenhado por curvas e pernas torneadas novamente a atenção lhe corria. Que moça bonita ouviu e certo dia lhe perguntaram onde está seu namorado Marina e de ombros dados ela sorriu, colocou entre os cabelos negros em desalinho uma flor que ganhara e novamente seguiu. Ninguém compreendia o que se passava ali, o que lhe envolvia tanta magia. Boatos corriam de um coração selvagem, indomável para simples mortais. Diziam ainda que ela poderia flutuar quando assim desejasse, ela poderia gargalhar incansavelmente, mas jamais viriam suas lágrimas, dizem que ela nunca chorou. A curiosidade crescia, o mito também bastava olhar o céu cintilante e lá estavam todos lembrando dela, sua simplicidade de menina mulher que poderia flutuar quando quizesse. Todos a amavam como uma diva intocável, como se ela estivesse sempre emoldurada em suas vidas e se você também se apaixonou por Marina talvez ela te abra uma janela, porque assim como os cavalos selvagens é o seu coração. Não se atreva a bater, entre apenas se ela te convidar sorrindo e pela janela de Marina um dia você também poderá entrar.


PS: Espero que vocês tenham gostado do post e a todas as Marinas um grande beijo! ;D
Obrigada a todos que me acompanham e a minha amiga Dálete pela foto perfeita!
;*

10 comentários:

Anônimo disse...

Entrar pela janela pode ser perigoso (rss)... Talvez se Marina abrisse a porta principal e me permitisse descobrir seus segredos e compartilhar suas angústias, teria imenso prazer em ouvi-la. Ganharia um amigo de verdade. Abraço.

George disse...

Marina...

Tão próxima da atmosfera da autora.. que suas estórias e histórias entrelaçam-se, onde não sabemos como começa uma e termina a outra...

Independente de veridicidade ou ficção... ambas nos levam a ama-las intensamente!!!

Bjs para Marina!!!!

E pra vc tb!!!

Abinaésia disse...

Com Marina me identifico (menos pela beleza transcendental que ela parece ter, e pq ela flutua (nem sempre a vida é leve, né?) e pq dizem q ela nunca chorou - quem dera eu...).

Me identifico pq parece q ela passa a vida meio à margem do resto do mundo. Enxerga tudo diferente dos outros.

E não gosta muito de se explicar, quem quiser que procure saber, rs.

Bjo, lindo post.
(QUE FIQUE CLARO PRO RESTO DO MUNDO QUE ELA ME FORÇA A COMENTAR!KKKKK)

Tay disse...

Eu queria tanto poder abraçar Marina e dizer que ela sabe ser feliz de um jeito que eu sempre quis saber... Queria dar um beijo estalado na bochecha dela e colher uma linda margarida pra enfeitar o cabelo negro dela.
Queria mesmo.

Beijoos!
Amo você!

Cristiny* disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk eu amo vocês! E que fique claro pra todo mundo que uma vida sem amigos de nada valeria flutuar. =)
ps: eu tbm adorei Marina (minha filha caçula...rsrs)

Fábio Dantas disse...

A Marina é uma mistura de mito e realidade, existem várias Marinas de várias formas iguais a estás, acho até que não só Marinas mas, Renatas, Marias e REBECAS que se enquadram neste perfil.
Adorei o post bjão!!!!!

João Átila disse...

Marina com todas essas janelas tem uma imensidão em formato de coração, tão pouco deve ser o casarão de suas janelas...
Deve ser um prestígio ser convidado a adentrar tal janela, que dirá da porta, poder empinar pipa e rir com Marina parece trazer momentos únicos, simples e ricos.
Um bj menina linda

Dálete disse...

Agora não precisa mais procurar a tal "Marina", já encontrou rsrsrsrs...Obrigada pela honra...beijos!

strIgOi sAn disse...

Espero anciosamente pela janela que sem duvida Marina ira me abrir rsrsrs... Adorei o post!

Beijão Cura!

carlos disse...

Um post perfeito!
Admito aqui, publicamente, que me tornei leitor assíduo deste blog.
Beijos cmldm.
Amo sempre.